As 7 Cartas do Apocalipse – Conclusão Final

Conclusão Final das 7 Cartas

Após os estudos das 7 cartas durante estes últimos dois meses, gostaria de destacar algo de suma importância na vida de todos os crentes: a persistência por parte do Senhor em dizer que “quem tem ouvido ouça o que o Espírito diz as igrejas”. A cada carta fica evidente a quantidade de alertas que nos são feitos. Fico preocupado com os tipos de mensagens que tem sido pregadas por ai. Mensagens que nos tendem, mesmo que não seja a intenção de alguns pregadores, a um certo comodismo. Pensando de maneira lógica, é fácil entender que há algo de errado. Ora, se o Espírito de Deus insiste em nos alertar, como poderia ser diferente com os pregadores que levam a mensagem de Deus? Isto é uma verdade para vários outros pontos das Escrituras. Um exemplo é quando Jesus diz em Mateus 5:29-30:

“Se o seu olho direito o fizer pecar, arranque-o e lance-o fora. É melhor perder uma parte do seu corpo do que ser todo ele lançado no inferno.

E se a sua mão direita o fizer pecar, corte-a e lance-a fora. É melhor perder uma parte do seu corpo do que ir todo ele para o inferno”

Como podemos admitir mensagens sobre santificação em que o homem deve “ficar esperando em Deus” ou “esperar até que um processo chegue ao fim”? Jesus disse algo de maneira clara, que nós devemos arrancar (cortar) nossa mão ou olho, ou seja, você crente tem que tomar atitudes que te levem a não pecar, ser pró-ativo.

Creio que se cada um de nós que fazemos parte do corpo deixarmos de lado nossa carne, nos despindo de nós mesmos e buscando orientação do Espírito Santo para lermos as Escrituras, entenderemos a seriedade da persistência de Cristo por sua Igreja e passaremos a enxergar as verdades que estão nos textos bíblicos inspirados por Deus, que são facilmente distorcidos por quem coloca o seu eu no momento de interpretação. Eu que é afetado por orgulho, vergonha, vaidade, frustração e até mesmo engano.

A Palavra de Deus é de Deus e de ninguém mais. Imutável, doa a quem doer.

Parafraseando uma frase do Juliano Son, do ministério Livres para Adorar: “Ai do profeta que deixa de pregar a mensagem de Deus por não vivê-la. E ai do profeta que deixa de buscar viver a palavra de Deus”.

Que nos encontremos entre os que aguardam vigilantes a volta de Cristo, pois a hora está próxima.

Deus abençoe sua vida em nome de Jesus!

André Aneas

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s