Agradecimento

TCC André AnéasNunca tive a pretensão de ser um pastor. Nunca tive o desejo de subir em um púlpito para ser aquele que compartilha com a igreja a Palavra de Deus dominicalmente. Consequentemente, nunca me imaginei em um seminário. Na verdade, sempre pensei que o último lugar que poderia estar era estudando teologia com vistas a um ministério pastoral. Por esta razão, agradeço, em primeiro lugar, ao Deus vivo e real, Pai do nosso Senhor Jesus Cristo, pois foi graças e pela graça Dele que hoje tenho o privilégio de finalizar meu Trabalho de Conclusão de Curso na Faculdade Teológica Batista de São Paulo. Mais do que finalizar o curso, tenho em meu coração a convicção de que o estudo teológico está em minha vida como algo que faço com prazer, alegria e satisfação. Nenhuma outra área, inclusive da minha atual atuação profissional, está em pé de igualdade com as riquezas que conheci na academia teológica e que, sem dúvida, conhecerei por toda vida. Aliás, uma vida é pouca para se deleitar na compreensão do incompreensível, do imensurável e do misterioso que nos revela o necessário para o amarmos e o chamarmos de Aba Pai.

Em segundo lugar agraço ao professor Itamir Neves. Foi ele quem me orientou em um acampamento de igreja a vir estudar nesta casa. Lembro-me como se fosse hoje o deslumbramento que sentia pela chamada que Deus me fizera ao ministério. Deus já havia feito o impossível, mas percebia que cabia a mim “rolar a pedra” para que o milagre se concretizasse. “Rolar a pedra” é em minha mente fazer a minha parte, me preparando para aquilo que Deus faria no futuro. O Espírito me moveu a conversar com o professor Itamir, que me orientou a procurar a Faculdade Teológica. Obrigado mestre, sua orientação mudou minha vida.

Agradeço a própria Faculdade Teológica. Lugar que me inspira, motiva e que já me deixa saudade. Saudade das pessoas da secretaria, saudade da coordenação acadêmica (professora Madalena, professor Lucas Merlo e Rodrigo), saudade da diretoria (professor Lourenço), do corpo docente, de cada funcionário, dos colegas, do prédio e suas salas de aulas e até do banheiro do térreo com cheiro de chiclete. Agradeço a esta casa que me possibilitou viver os melhores anos da minha vida. Obrigado a todos os irmãos e irmãs que fazem a Teológica acontecer diariamente na vida de vocacionados ao ministério da Palavra de Deus.

Agradeço ao professor Jonas Machado, que um dia, em determinado semestre, ainda faltando alguns anos para o momento do TCC, leu esboços do que eu gostaria de me aprofundar academicamente. Forneceu caminhos, fazendo com que eu percebesse as possibilidades e a realidade de que era possível seguir em frente no estudo das experiências religiosas. Agradeço a ele pela inspiração, pela ajuda em me fazer pensar “fora da caixa” e por suas orientações ao longo destes anos.

Agradeço a cada aluno e aluna de cada turma que passei. Foi um privilégio viver estes dias ao lado de vocês! Correndo o risco de cometer alguma injustiça (certamente cometerei), faço questão de mencionar alguns nomes de queridos e queridas que passaram por minha vida e jamais os esquecerei: Cláudio, Kátia, Edmilson, João Paulo, Daniel, Paulo Alexandre (PA), Paulo (autor de Calvino, um delírio), Érico, Rubão, Paik Son, Ilson, Gilmar, Celso, Mírian e Calimério, meu companheiro na academia que tanto me motivou e ajudou nestes anos inesquecíveis! Muito obrigado a todos vocês. Cada um contribuiu e faz parte de quem eu me tornei ao final deste curso.

Agradeço também pelo companheirismo e orações de amigo queridos que passaram e estão em minha vida até hoje. Os parceiros do módulo: Júlio, Guilherme e Walker. Vocês são parte deste trabalho. Vocês são testemunhas oculares do que Deus pode fazer na vida de um ser humano. Vocês são resposta de Deus. Vocês sabem disto e sabem os porquês de tudo isto! Agradeço ao querido amigo Wilson e sua família. Cada conversa, cada incentivo, cada comparecimento em momentos importantes da minha vida com Deus. Muito Obrigado!

Agraço a querida igreja Batista em Sumarezinho. Obrigado ao Pr. Fábio Bentes e sua família que nos acolheram com tanto amor. Obrigado pela mentoria e oportunidade de viver aquilo que, infelizmente, poucos seminaristas têm o privilégio, um pastor que ensina, na prática, o ministério pastoral. Agradeço a cada irmão e irmã que vive Deus na igreja do Sumarezinho. Vocês são importantes para mim. Sou grato por cada oração e por Deus me dar a alegria de viver junto de vocês! Recordo-me também de agradecer a alguns queridos que estão ou estavam na igreja Aliança Cristã e Missionária, com quem convivi tantos anos e tanto contribuíram para eu trilhar o caminho que trilhei: Fernandão, Marlene Ferrari, Fernando e Juliana, os gêmeos Daniel e Eduardo, Débora e Bebeto, Ricardo e Ana, Rubão e Sueli. Ao pessoal do sul: Fernanda e seus queridos pais, Lucas, Pablo, João Batista. Ao querido Pr. Douglas e sua família (em especial ao Arão, velho amigo) e ao inesquecível Pr. Kurt Baselides com sua família (como foram importantes para mim!). Um grande e sincero obrigado!

Agradeço em especial ao amigo Rev. Arival, pastor titular da Igreja Presbiteriana de Pinheiros. Seu apoio para esta pesquisa acontecer foi importantíssimo. Obrigado pela disponibilidade e oportunidade de trabalhar com suas queridas ovelhas. Você é uma referência para minha vida!

Não posso deixar de agradecer a minha família. Em especial minha esposa, Aline. Você sabe de tudo, está presente em tudo e é parceira incondicional de cada minuto da minha vida aqui na terra. Você não tem ideia do quanto me ajudou nestes anos. Eu te amo minha princesa. Aos meus queridos pais, Mauro e Precília, que me apoiaram em tantos aspectos! Muito obrigado pelo carinho, preocupação e incentivo. Mãe, obrigado por me ensinar sobre Deus na infância. Você inculcou na minha mente os princípios do Senhor. Pai, obrigado por cada conversa. Foram e são momentos muito especiais e que me ajudaram e ajudam muito a permanecer no caminho! Obrigado a minha querida irmã, Amanda. Poderia falar de momentos e sentimentos diversos. Mas escolho recordar do dia em que Deus se revelou a mim de uma forma única. Após tudo acontecer, foi para você que fiz questão de contar sobre a realidade do Deus que só conhecia de ouvir falar, mas que meus olhos enxergaram. Foi muito bom te acordar do sono e compartilhar o momento mais importante da minha vida naquela madrugada.

Deus é bom. Deus é real. Ele se deixa encontrar.

André Anéas

Anúncios

A Inconstância da Igreja

montanha-russa

A graça e a paz do Senhor!

Com muita alegria no coração, compartilho uma pregação intitulada “A Inconstância da Igreja”, pregada na amada igreja Batista em Sumarezinho, em 31/05/2015.

É óbvio que somos todos inconstantes. Somos humanos. Somos quase uma montanha-russa, ora em cima, ora embaixo. Porém, a pergunta que precisamos fazer é o que Deus pensa da inconstância da Igreja? E é aqui que precisamos nos atentar…

Uma mensagem baseada na carta para igreja de Éfeso, ditada do céu pelo próprio Senhor Jesus ao seu servo João (Apocalipse 2:1-7). Creio que o Senhor falará ao seu coração e te desafiará com aquilo que Ele pensa sobre nossa inconstância.

Deus abençoe e que Ele te encha do Espírito de Cristo!

A Inconstância da Igreja