“Entrega” [Por que se entregar a Deus?]

sentido obrigatórioPrimeiramente, gostaria de deixar uma afirmação diretiva para todos nós como Igreja do Senhor Jesus: ser cristão implica em ter uma vida entregue a Deus. Se parece por aqui, faria exatamente o que disse não ser o correto (não explicar os porquês). Mas esta é uma verdade. Se dizer cristão, discípulo de Cristo, e não ter uma vida verdadeiramente entregue para Deus, é incompatível com a revelação bíblica e com a experiência pessoal de inúmeros homens e mulheres de Deus. Chegaria a dizer que um “cristão” que não possui sua vida entregue nas mãos de Deus tem cheiro de joio e não de trigo.

Acredito que esta verdade está explícita no maior mandamento de Deus: “Ame o Senhor, o seu Deus, de todo o seu coração, de toda a sua alma e todas as suas forças” – Dt 6:5 e Mt 22:37. Como se ama alguém acima de tudo, com TODO o coração, com TODA a alma, com TODAS as suas forças? Entendo que quem não se entrega a um Deus que exige um amor pleno, como descrito na Lei, não cumpre o mandamento. Amor exige entrega e a falta de amor revela a não entrega.

Este princípio é revelado não somente quando tratamos da nossa relação com Deus, mas também com nosso próximo. No relacionamento conjugal, por exemplo, o marido que não se entrega a sua esposa, investindo tempo com ela, se dedicando a ela, pouco a ama. A entrega de ambos os cônjuges um ao outro é o termômetro do amor. Quando não há amor no casamento há indiferença, falta intimidade, falta tempo, falta entrega.

André Anéas

[acompanhe esta série de posts sobre Por que se entregar a Deus?]

1/8 – Introdução [Por que se entregar a Deus?]

Acesse o link original desta pregação:

Por que se entregar a Deus?

Ouça o audio:

Faça o download:

Por que se entregar a Deus? – (download – clicar com o botão direito e em ‘salvar link como’)

Características do Mestre: Inspiração [“Independência” é Morte]

Jesus era inspirador. Ele tinha algo que era fruto de sua paixão e sua convicção que fazia com que qualquer um enxergasse Nele alguém único. As crianças (os pequeninos, como Ele os chamava) o amavam, sua atenção era dividida com os marginalizados da sociedade e estes, por sua vez, gostavam Dele (a se ver pela samaritana, pelo publicano, pelos pecadores em geral, pela mulher pecadora na casa do fariseu) e também pelos discípulos, principalmente Simão Pedro.

Pedro para mim é um caso a parte. Quando paro para pensar neste pescador eu imagino um homem que deseja de todas as formas ser parecido com seu Mestre. O poder de inspiração que vem de Jesus para Pedro é notório. Mesmo com todas as repreensões, Pedro não desiste de querer se mostrar para Jesus, de querer acertar, de tentar ao menos acertar. Pedro talvez tenha passado noites pensando como seria o dia de amanhã com o Mestre, o que ele aprenderia, qual dúvida tiraria. Mesmo em meio a todas suas deficiências, creio eu que Simão Pedro é um bom exemplo dentre os discípulos que revela que Jesus era inspirador.

André Anéas

[acompanhe esta série de posts sobre “Independência” é Morte]

1/9 – Introdução [“Independência” é Morte]

2/9 – Jesus: Grande Líder “Da Causa” [“Independência” é Morte]

3/9 – E Quanto a Nós? [“Independência” é Morte]

4/9 – Características do Mestre: Paixão [“Independência” é Morte]

5/9 – Características do Mestre: Convicção [“Independência” é Morte]

Acesse o link original desta pregação:

“Independência” é Morte

Ouça o audio:

Faça o download:

“Independência” é Morte – (download – clicar com o botão direito e em ‘salvar link como’)

E Quanto a Nós? [“Independência” é Morte]

Agora e quanto a nós que o recebemos pela graça? E quanto a nós que nos professamos cristãos? E quanto a nós que fazemos parte do corpo de Cristo? Temos vivido uma vida apaixonada, convicta e inspirada pelo nosso grande general? Talvez, a obrigação de ser apaixonado, convicto e inspirador não fosse a realidade de todos os liderados dos grandes líderes que existiram ao longo da história. Entretanto, no cristianismo, ser igual ao nosso Líder é nossa meta, nossa obrigação, é um mandamento conforme está escrito em Levítico 19:2: “…Santos sereis, porque eu, o SENHOR, vosso Deus, sou santo”.

Jesus viveu seus anos aqui na terra imitando ao Pai. O apóstolo Paulo nos diz para sermos seus imitadores, pois ele imitara a Cristo. O cristão deve sempre buscar ser semelhante a Cristo, pois Deus está revelado Nele. Como cristãos, não temos como escapar desta realidade ou tentar amenizá-la. O nível de perfeição não só é elevado, como a perfeição está contida Nele. Por isso, da mesma maneira apaixonada, convicta e inspiradora que Jesus viveu, assim nós, como imitadores Dele, devemos ser.

Teria como ser diferente? A final, se em Jesus temos a plenitude da vida, aquilo que todos buscam (estado de “independência”), mas que a maioria não alcançou, não temos motivos para sermos apaixonados e convictos? Não temos motivos para sermos inspiradores, uma vez que somos apaixonados e convictos? Os ideais de Jesus e sua missão para igreja, ainda estão a pleno “vapor”!

André Aneas

[acompanhe esta série de posts sobre “Independência” é Morte]

1/9 – Introdução [“Independência” é Morte]

2/9 – Jesus: Grande Líder “Da Causa” [“Independência” é Morte]

Acesse o link original desta pregação:

“Independência” é Morte

Ouça o audio:

Faça o download:

“Independência” é Morte – (download – clicar com o botão direito e em ‘salvar link como’)

Intimidade com Deus – De Mãos Dadas com o Senhor

Graça e paz do Senhor Jesus!

Você deseja ter uma vida íntima com Senhor? Saiba aquilo que Deus espera da relação entre Ele e você e as implicações de uma comunhão profunda, sincera e íntegra com o Senhor.

Mensagem pregada em 19/06/2012, na igreja Aliança Cristã e Missionária de Vila Madalena.

Abra seu coração para Palavra de Deus. Que Deus abençoe sua vida!

André Aneas

Ouça o audio:

Faça o download:

Intimidade com Deus – De Mãos Dadas com o Senhor – (download – clicar com o botão direito e em ‘salvar link como’)

Salmo 23 – Homem Segundo o Coração de Deus

Graça e paz do Senhor Jesus!

Gostaria de compartilhar mais uma mensagem pregada na igreja Aliança Cristã e Missionária de Itatiba, realizada em 03/06/2012.

Que o seu coração esteja aberto para receber a Palavra de Deus!

André Aneas

Assista o vídeo:

Ouça o audio:

Faça o download:

Salmo 23 – Homem Segundo o Coração de Deus – (download – clicar com o botão direito e em ‘salvar link como’)

Ser Crente Não Está na Moda

Irmãos, graça e paz!

Você acha que ser crente está na moda? Escute esta pregação ministrada em 11/02/2012 sobre o cristianismo e o modismo religioso da nossa época. Acompanhe também uma série de posts sobre este tema.

Ouça o audio:

Faça o download:

Ser Crente Não Está na Moda (download – clicar com o botão direito e em ‘salvar link como’)

Que o Senhor fale contigo!

André Aneas