Por que estudar teologia?

Graça e paz!

Compartilho minha tentativa de responder a pergunta “por que estudar teologia?” Minha fala contém 7 motivos que penso justificar o estudo teológico como algo importante e imprescindível para a igreja local. Espero que contribua com sua reflexão e que torne evidente e clara a relevância do labor teológico.

André Anéas

Anúncios

Destruindo os feudos da religião

Graça e paz!

No último domingo preguei acerca do tema “Destruindo os Feudos da Religião”. Você já observou algum tipo de divisão na igreja? Você acha o seu ministério (feudo) mais importante que os outros? Somente o seu líder é “de Deus”? Quer saber se o seu serviço no Reino tem qualidade? Refletindo a partir da primeira carta de Paulo aos coríntios é possível compreender aquilo que Deus espera de nós.

Minha oração é para que o Espírito Santo se mova em você, desafiando, transformando e te levando a um serviço cristão de qualidade (mas, na ótica de Deus). Vamos juntos destruir os feudos da religião e construir sobre o único alicerce: Jesus Cristo!

nEle

André Anéas

“Uma jornada inesperada”

Graça e paz!

No último domingo preguei o sermão “Uma jornada inesperada” na Igreja Batista em Quitaúna. Será que você tem vivido na jornada junto de Deus? Ou será que você tem estado em uma “toca” semelhante a do Bilbo Bolseiro (personagem de J. R. R. Tolkien)? A vida só tem graça na aventura. Somente nelas há espaço para o inesperado, para as alegrias, as tristezas, as amizades e para luta do bem contra o mal

Oro para que você seja desafiado a refletir sobre a sua jornada. Se não está nela, oro para que você se arrisque a entrar de cabeça nessa aventura com Deus!

Ótima jornada!

André Anéas

Os propósitos da Igreja

Graça e paz!

Compartilho a mensagem que preguei na Igreja Batista Mundo Novo em 20/05/2018. Estou convicto de que este conteúdo é importantíssimo para nossa reflexão sobre para que a Igreja existe e para nossa prática cristã, dentro das diversas comunidades em que estamos inseridos. Faço questão de mencionar que grande parte do insights são fruto de um encontro de pastores que participei no final do ano passado.

Nesta mensagem retornei ao livro de Atos, em que Lucas nos relata aspectos muito importantes da igreja do primeiro século. Conseguimos perceber nas leituras do livro aspectos fundamentais da Igreja, que em muito se distinguem da realidade institucional (que tem sua devida importância). A abordagem é da Igreja de Jesus, uma Igreja orgânica, viva e em movimento.

Oro para que o Senhor abra os olhos do seu coração e que o Espírito Santo o aqueça. Oro para que você seja a Igreja na essência do que ela é.

nEle,

André Anéas

Qual o propósito da Igreja?

Princípios para o Serviço Cristão

serviçoA graça e a paz do Senhor Jesus!

Compartilho uma mensagem pregada em 15/11/2015, na Igreja Batista Mundo Novo, sobre “Princípios para o Serviço Cristão”. Minha oração, desde já, é para que Deus fale profundamente ao seu coração!

Dentro do contexto da igreja brasileira não existe uma igreja que diz que não esteja servindo a Deus. Todas, e eu desconheço qualquer exceção, dizem estar realizando a obra do Senhor. Porém, existem alguns indícios que nos fazem questionar se as obras destas igrejas são bem vistas aos olhos do dono da Igreja: Jesus Cristo.

Ora, desejamos servir a Deus como nós queremos ou como Ele quer? Esta resposta é determinante para sabermos se Ele se agradará de nós ou não. Tomando como exemplo a igreja reprovada de Laodicéia (Ap 3:14-22), vamos compreender o que é esperado de verdadeiros servos e servas do Senhor.

Deus abençoe sua vida!

André Anéas

Princípios para o Serviço Cristão

A Inconstância da Igreja

montanha-russa

A graça e a paz do Senhor!

Com muita alegria no coração, compartilho uma pregação intitulada “A Inconstância da Igreja”, pregada na amada igreja Batista em Sumarezinho, em 31/05/2015.

É óbvio que somos todos inconstantes. Somos humanos. Somos quase uma montanha-russa, ora em cima, ora embaixo. Porém, a pergunta que precisamos fazer é o que Deus pensa da inconstância da Igreja? E é aqui que precisamos nos atentar…

Uma mensagem baseada na carta para igreja de Éfeso, ditada do céu pelo próprio Senhor Jesus ao seu servo João (Apocalipse 2:1-7). Creio que o Senhor falará ao seu coração e te desafiará com aquilo que Ele pensa sobre nossa inconstância.

Deus abençoe e que Ele te encha do Espírito de Cristo!

A Inconstância da Igreja

Introdução – “Feedback” [Recebendo um “Feedback” de Deus]

feedbackFilhinhos, eu lhes escrevo porque os seus pecados foram perdoados, graças ao nome de Jesus. Pais, eu lhes escrevo porque vocês conhecem aquele que é desde o princípio. Jovens, eu lhes escrevo porque venceram o Maligno. Filhinhos, eu lhes escrevi porque vocês conhecem o Pai. Pais, eu lhes escrevi porque vocês conhecem aquele que é desde o princípio. Jovens, eu lhes escrevi, porque vocês são fortes, e em vocês a Palavra de Deus permanece e vocês venceram o Maligno. – 1 João 2:12-14

Quem não gosta de ser elogiado? Quem não gosta de ter seu trabalho reconhecido? A quem um elogio não motiva a continuar no caminho certo? Um elogio nos motiva a continuar na mesma direção, avançando. Por outro lado, uma repreensão verdadeira e genuína, recebida por quem é humilde para reconhecer falhas, nos provoca a mudar de direção, sair do caminho que nos leva para o local errado e voltarmos ao caminho que nos leva para o “alvo”.

O apóstolo João procura neste trecho incentivar a Igreja. Justificando o motivo de lhes escrever (“eu lhes escrevo porque…”), ele procura incentivar o povo a continuar no caminho correto, no caminho que leva a vida. Ele reconhece que mesmo em meio as investidas dos falsos mestres com seus falsos ensinos, a Igreja tem se mantido fiel a Palavra do Senhor, ao Evangelho de Cristo. Claro que aqueles que lerem as palavras de João e não estiverem sendo fiéis, certamente encararam estes “elogios” de outra maneira. Com inveja ou com temor, quem sabe motivando-os a se voltarem ao caminho correto.

Certo é que o verdadeiro cristão gostaria de ser elogiado por sua conduta. Ter um feedback de como está o caminhar cristão seria algo excepcional, pois poderíamos tomar atitudes para corrigir falhas e nos motivar a continuar nos acertos.

Imagine receber as Palavras do apóstolo João da boca de seu pastor no final de seu ministério, condição em que provavelmente se encontrava João. Imagine receber estes elogios do próprio apóstolo João, o qual aprendeu pessoalmente com o Senhor. Quão tremendo seria!

Mas o que precisa nos inquietar é a realidade que este feedback nos será dado pelo próprio Senhor um dia. E a realidade de que prestaremos contas e de que não haverá mais tempo de corrigir nada deve nos manter alertas como crentes, vigilantes. Daí a importância de compreender aquilo que João disse à Igreja e avaliar nossas vidas diante de Deus para vermos se estamos em condição de obreiros aprovados ou não.

André Anéas

[acompanhe esta série de posts sobre Recebendo um “Feedback” de Deus]

1/8 – Introdução – Igualdade no Corpo [Recebendo um “Feedback” de Deus]

Acesse o link original desta pregação:

Recebendo um “Feedback” de Deus

Ouça o audio:

Faça o download:

Recebendo um “Feedback” de Deus – (download – clicar com o botão direito e em ‘salvar link como’)